Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Endless Words

"Escrever é como abrir gaiolas: coloco as palavras em ordem, descubro a senha do cadeado, liberto os pássaros. E os sentimentos."

Endless Words

"Escrever é como abrir gaiolas: coloco as palavras em ordem, descubro a senha do cadeado, liberto os pássaros. E os sentimentos."

Hoje estou triste, apesar de sorrir. Custa-me imenso ter que desaparecer, quando sei que as minhas melhores amigas precisam de mim. Eu sempre estive presente nos momentos cruciais para as acalmar e dizer as palavras certas, mas agora, sinto que não as consigo ajudar, por mais que ambicione o tal. Como ajudar uma pessoa que eu gosto imenso quando não me consigo ajudar a mim própria? "Ando a dormir pessimamente, ando a perder peso que é uma coisa louca, noto que no meu discurso existem brancas, não consigo reagir às situações a tempo, esqueço-me das coisas com muita facilidade, e pior disto tudo ando a afastar (inconscientemente) de quem é/era próximo de mim e que não têm culpa nenhuma do que se anda a passar comigo. Ando a desiludir a mim mesma e quem me é próximo." ou "The last couple of months have been...intense. To must work, to mush dramas, to many problems going on on each others lifes, and due to that, something has changed. I miss the funny, happy and always with an answer You." provocam-me lágrimas. Estou perto do Mundo, mas longe de vocês. Espero que, quando esta jornada terminar, vocês tenham a capacidade de me perdoar por não ter cumprido o meu papel. Eu sou humana, e como tal, erro.


Com amor, e imensas saudades,

a vossa Cátia.

9 comentários

Comentar post